Tom Jobim também diria: Veta TUDO!

Tom Jobim: Há várias hipóteses. Uma é nós destruirmos esse planetinha de vez, o planeta azul, como estamos fazendo rapidamente. Toda essa música do Villa-Lobos, “Floresta amazônica”, isso não vai mais ter sentido nenhum, porque não existe a floresta amazônica. O trem do caipira não existe mais. Esses trens que passam, aí, todos têm buzina, tem diesel, faz “poonnn”, não é o trem. Então, a gente destrói tudo e depois sai daqui com um foguete e vai arranjar, porque Deus tem outros planetas muito melhores, com florestas melhores, bichos melhores, onças muito mais bonitas, aí nós vamos para outro planeta, fazer a mesma coisa, destruir.

Rosangela Petta: Qual é a outra hipótese, mais doméstica?

Tom Jobim: A hipótese [de] que eu gostaria mais seria que esse planetinha persistisse, continuasse. Continuasse existindo. Eu fiz agora uma música ecológica para salvar a terra, se chama “Sempre viva”. Sobre uma dessas plantas que, mesmo no inverno, não perdem as folhas. No outono, não perdem as folhas. Sempre-viva tem aquela vontade de viver terrível.

Tom Jobim no programa Roda Viva da TV Cultura, em 1993:

http://www.rodaviva.fapesp.br/materia/260/entrevistados/tom_jobim_1993.htm

Forever Green (Para sempre Verde) –  Tom Jobim

tradução

Deixe que haja flores

Deixe que haja uma primavera

Nós temos poucas horas para conservar nosso sonho

Deixe haver uma luz

Deixe os pássaros cantar

Deixe a floresta ser para sempre verde

Pequeno planeta azul

Na grande necessidade de cuidado

No destino dos córregos puros

Ar puro de cristal

Deixar-nos salvar a terra

Que coisa maravilhosa

Deixá-la ser para sempre verde

Imagine que a Mãe Terra se transforme em um deserto

Um mar do veneno, uma lagoa venenosa

E a vida no Planeta Terra tenha ido para sempre

E Deus virá pedir o azul do planeta

O que fazer?

Onde está o paraíso que

Eu fiz para você?

Onde está o verde?

E onde é o azul?

Onde está a casa que

Eu fiz para você?

Onde está a floresta e?

Onde está o mar?

Onde está o lugar bom para você, bom para mim?

Deixe nos salvar a terra

Que coisa maravilhosa

Deixar os pássaros voar, deixar os pássaros cantar (os deixar cantar, Luisa)

Deixe-a ser para sempre verde

Onde está o paraíso que

Eu fiz para você?

Onde está o verde?

E onde é o azul?

Onde está a casa que

Eu fiz para você?

http://www.vagalume.com.br/tom-jobim/forever-green-traducao.html#ixzz1u6E4cAkv

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s